Street photography, olhar atento e uma máquina fotográfica a mão, porque nunca se sabe o que pode passar pela frente.

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Memória

Não vou esperar ter mais dinheiro na carteira. A noite esta agradável, o movimento dos carros estimula e penso se é a hora ou não de atravessar a rua.
Na bússola da memória acabo chegando na mesma pizzaria daquele tempo. Corro então para não ser atropelado, afinal estou de volta em terras diferentes.
Um viaduto, um túnel, um grupo que passa gritando que estou no lugar certo. Adoro a escuridão das praças misteriosas, o olhar distante mas empolgado de uma aventura moderada apenas pelo bom-senso.
A porta estava fechada, as cadeiras viradas e o pó tomava conta de todos os cantos. Fingi não ter sentido a dor do abandono, éramos casais que em breve, também, estaríamos em outros endereços. Devia ter pressentido, a alegria era apenas um ensaio para outras vidas. Retorno agora numa via mais agitada, cruzam além da velocidade permitida e recuo. Não vou esperar ter mais dinheiro na carteira, pago o alto preço pelo resgate destes pensamentos.

Nenhum comentário: